Thursday, June 30, 2005

B2: Mercúrio está no céu!

Introdução.

Foram poucas as vezes na minha vida em que eu tive oportunidade de observar Mercúrio. Não é uma imagem muito comum mesmo. Mercúrio é o planeta mais próximo do Sol, no que diz respeito ao seu raio orbital. Geralmente se ensina nas escolas que é o primeiro planeta do sistema solar em distância ao Sol. Depois dele temos Vênus, Terra, Marte, Júpiter e Saturno. Depois de Saturno, temos os três planetas que não são visíveis a olho nu e foram descobertos nos últimos dois séculos: Urano, Netuno e Plutão.

Portanto, a Terra é de fato conhecida como o "terceiro planeta" do Sistema Solar e as órbitas planetárias de Mercúrio e Vênus são interiores à órbita da Terra, o que implica que visualmente nem Mercúrio e nem Vênus se afastam muito do Sol.

Na prática, isto significa que tanto Mercúrio como Vênus nunca serão vistos no céu por um terráqueo na superfície de seu planeta natal, a não ser que seja logo após o pôr do Sol ou logo antes do nascer do Sol e, além disso, somente quando estes planetas estiverem a distância suficiente do Sol para não serem ofuscados pela sua luz. Bem, esse raciocínio vale, pelo menos, digamos assim, para latitudes "normais" de nosso planeta. A distância angular máxima que Mercúrio se afasta do Sol é de 28 graus. Já Vênus, pode se afastar no máximo 45 graus.

As posições atuais desses planetas no zodíaco são:

Mercúrio: 3 graus 47' (Leão)
Vênus: 3 graus 12' (Leão)
Sol: 9 graus 09' (Câncer)

Lembro-me de que quando eu mostrei esses planetas hoje ao Alex e ao Rafael, eles estavam uma distância angular pequena entre eles que eu estimei ser próximo do tamanho angular do Sol ou da Lua, que é de cerca de 0,5 grau. Pela tabela acima, podemos observar que a distância angular entre eles é de apenas 0,35 graus. Portanto, minha estimativa não foi ruim.

É bom lembrar que Câncer é signo vizinho de Leão, então a distância angular atual de Mercúrio ao Sol é de cerca de 25 graus.

A Dica:

Amanhã, por volta das 18h ou 18h30min, acredito que essa conjunção entre Vênus e Mercúrio estará novamente visível. Então, Vênus poderá ser vista a Oeste: uma estrela brilhante e grande, linda sobre o horizonte alaranjado do pôr do Sol. Claro, isto supondo que o dia amanhã não nuble.
Pouco acima de Vênus, poder-se-á ver uma estrela de brilho bem menor e que se trata do planeta Mercúrio.

A imagem é relativamente rara. Grosso modo, pode-se dizer que ocorre uma única vez no ano e por poucos dias. A presença de Vênus ajuda a aumentar um pouco a raridade do fenômeno e também ajuda a identificar Mercúrio.

1 comment:

Guy taillade said...

Oi Henrique,
Descobri seu blog agora porque comentou a minha observação sobre os horóscopos de jornal na comunidade Memória da astrologia do Orkut.
Criei há pouco uma comunidade Astrologia tradicional Ceará e comentei aí esta visibilidade de Mercúrio na época. Por isso gostei de ler estas observações
Cordialmente,
Guy